Notícia

Aspirina: O que deve ser considerado em doses baixas


O que considerar ao tomar aspirina em baixa dose

O uso de aspirina em baixa dose leva a benefícios à saúde, mas também pode agravar os problemas de saúde. Uma revisão recente descreveu os prós e os contras de tomar baixas doses de aspirina.

Uma revisão recente analisou o balanço geral de riscos e benefícios de tomar baixas doses de aspirina. Os resultados da análise foram publicados no jornal de língua inglesa "British Journal of Clinical Pharmacology".

As informações de muitos estudos foram resumidas

A análise atual foi realizada porque o equilíbrio geral entre os riscos e os benefícios de tomar aspirina ainda não era claro, relatam os pesquisadores. O grupo de pesquisa, portanto, resumiu informações conhecidas das análises, todos os estudos observacionais relevantes e estudos controlados randomizados.

Benefícios de tomar aspirina

Baixas doses de aspirina em pessoas sem doença cardiovascular foram associadas a uma incidência 17% menor de eventos cardiovasculares. Esses eventos incluíram, por exemplo, ataques cardíacos não fatais, derrames não fatais ou mortes relacionadas a doenças cardiovasculares.

Desvantagens de tomar aspirina

No entanto, tomar doses baixas de aspirina também pode promover problemas de saúde. Os pesquisadores descobriram em sua análise que o uso de doses baixas de aspirina parece aumentar o risco de sangramento gastrointestinal em 47% e o risco de sangramento intracraniano em 34%.

As vantagens e desvantagens devem ser ponderadas

Os riscos e benefícios identificados de tomar baixas doses de aspirina devem ser ponderados em análises formais de tomada de decisão, a fim de controlar o uso de aspirina na prevenção primária, relatam os pesquisadores.

Havia alguma conexão com outros problemas de saúde?

Embora muitas pessoas tenham sido rastreadas quanto a efeitos na saúde, além de doenças cardiovasculares e sangramentos, as evidências para esses efeitos continuam fracas. Portanto, eles não devem estar em primeiro plano ao decidir sobre o uso de aspirina em baixa dose, aconselha o grupo de pesquisa.

Qual foi a conclusão dos pesquisadores?

Tomar doses baixas de aspirina reduz significativamente o risco de doenças cardiovasculares, por um lado, mas, por outro lado, o uso também aumenta o risco de sangramento interno, de acordo com os resultados da avaliação. (Como)

Informação do autor e fonte

Este texto corresponde às especificações da literatura médica, diretrizes médicas e estudos atuais e foi verificado por médicos.

Inchar:

  • Nicola Veronese, Jacopo Demurtas, Trevor Thompson, Marco Solmi, Gabriella Pesolillo et al.: Efeito da aspirina em baixas doses nos resultados de saúde: Uma revisão abrangente de revisões sistemáticas e metanálises, no British Journal of Clinical Pharmacology (publicado em 02.06.2020 ), British Journal of Clinical Pharmacology



Vídeo: AAS afina o sangue? Saiba que isso pode ser mortal!!!! (Dezembro 2021).